Líliam Lascasas

Compartilhe



A Plataforma Terráqueos veio como um longo caminho a seguir.

Um caminho iluminado, maravilhoso e almejado por muitos. Mas com poucos corajosos a dar início a isso tudo. Enfrentar desafios impregnados na sociedade, fazer com que pessoas entendam que para mudar o país é preciso mudar o jeito de agir, fazer planos e acreditar, não é fácil.

Na Europa, muitas dessas lutas semelhantes à da Plataforma já começam a ser ensinadas na infância e ninguém precisa ficar fiscalizando o tempo todo.

Estive em Berlim e pude acompanhar uma escola, no interior da Alemanha, perto dos campos de Guerra. As crianças não puderam ser fotografadas, mas, após o recreio, por incrível que pareça... nenhuma criança jogou um lixo no chão! Elas brincavam livremente, sem limites de altos muros, sem muita fiscalização, tudo muito silencioso, elas conversam baixinho e ninguém machucou!!!

As lixeiras dos prédios residenciais do centro de Berlim são monitoradas por câmaras e os saquinhos de lixo têm o nome do proprietário. Então, se alguém jogar o lixo na lixeira errada, paga multa!!!

Tenho certeza de que algum tempo chegaremos lá.

Líliam Lascasas - Supervisora Pedagógica