Roberta Cosacarelli, 8º ano B

Compartilhe

"Hoje, voltando do colégio, tive que ficar esperando meu pai em uma praça. Observei uma cena e tirei uma foto, pois aquilo me fez refletir por bastante tempo. A cena era a seguinte: um homem, aparentemente não muito rico, dando alimentos para um cachorro que estava por ali. Pensei que as pessoas, que às vezes têm melhores condições de ajudar esse tipo de animal, raramente ajudam. Aquele homem, que tão pouco tem, ajudou e, sinceramente, fez toda a diferença para aqueles cachorros. Mesmo de longe, pude notar que os cães estavam alegres, eles perceberam que, pelo menos uma vez na vida, alguém se importou com eles, deu um pouco de atenção. Acho que se cada pessoa tirasse cinco minutos do seu dia para, pelo menos, brincar, jogar um graveto ou dar ração para um animal de rua, ela iria fazer toda a diferença."

Roberta Cosacarelli, 8º ano B