Arrecadação com venda de livros a estudantes será revertida em ações sociais

Compartilhe

03/04/2017

Na última sexta-feira, dia 31 de março, os estudantes da 3ª série do ensino médio do Colégio Santo Agostinho – unidade Contagem, adquiriram um livro para preparação do ENEM e, ao mesmo tempo, ajudarão uma ONG, um socorrista de animais e reflorestar uma área.

Por meio de uma parceria com o AppProva, responsável pelo livro “Foco total no ENEM”, a publicação será vendida a preço de custo aos alunos e toda a renda arrecadada será destinada aos eixos de atuação da Plataforma Terráqueos. Rafael Luiz, cofundador do AppProva, conta que essa foi uma excelente oportunidade para alinhar a preparação para o ENEM à formação humana dos estudantes. “Com essa ação, estamos extrapolando a esfera de parceria com o Colégio Santo Agostinho Contagem, que é nosso parceiro de longa data." – explica.

Atuando em três grandes frentes interligadas: pessoas, planeta e animais, os 86 estudantes da 3ª série do ensino médio serão responsáveis por colocar em prática as ações sociais. Segundo Aleluia Heringer, diretora do Colégio Santo Agostinho Contagem, o trabalho de sensibilização dos estudantes e familiares começou há alguns dias. “Tivemos uma mobilização da equipe pedagógica junto aos estudantes e enviamos comunicações aos pais. Todos ficaram muito empolgados com a ideia.” – completa.

Atividades sociais extrapolam os muros da escola

A partir da renda arrecada com a venda dos livros, os estudantes envolvidos se mobilizarão em prol de atividades sociais que vão além dos muros do Colégio. Eles vão atuar em diferentes frentes:

Pelas pessoas: parte da renda arrecada será destinada à ONG JOCUM – Jovens com uma missão, que atende a comunidade do Aglomerado da Serra (Cafezal), em Belo Horizonte.

Pelos animais: o protetor e socorrista Franklin de Oliveira, uma das pessoas mais antigas de Minas Gerais na luta em prol dos animais, também receberá uma ajuda de custo oriunda da ação.

Pelo Planeta: no dia 07 de abril, será realizado o plantio de 120 árvores, compensando as emissões de CO2 do Colégio Santo Agostinho com energia elétrica. A área escolhida fica em Mário Campos e o plantio das mudas será realizado pelos próprios estudantes.

A proposta da Plataforma Terráqueos é que a escola pode e deve buscar desenvolver melhores seres humanos. O projeto com o AppProva está totalmente alinhado a esse objetivo. “Para o dia do plantio das mudas, vamos preparar um ritual bem significativo – vamos tirar os sapatos e fazer uma oração à Terra. Será uma manhã marcante na vida dos estudantes e na nossa” – finaliza Aleluia.

Salvar