Um Dia Sem Sapatos 2017

Compartilhe

29/03/2017

05 de abril – Um Dia Sem Sapatos 2017

Erguer pontes, desconstruir muros.


Desde sua primeira edição, em 2011, Um Dia Sem Sapatos tornou-se uma das mais relevantes mobilizações desenvolvidas durante o ano letivo do CSA Contagem. Muitas razões podem ser apontadas para compreender tal êxito. Entre elas, a percepção de que o Dia Sem Sapatos captou os melhores potenciais educativos da comunidade escolar: uma mobilização que nasceu do diálogo entre estudantes e direção da escola; que tem o protagonismo dos professores na reflexão de valores e atividades que transcendem o formato tradicional das aulas; que envolve a participação ativa dos pais e familiares, somando esforços na captação de recursos a serem doados. E proporciona a todos a inusitada experiência de pôr os pés no chão, gesto que mexe com sensações e sentimentos.

Aquilo que há 6 anos começou como “um dia” se tornou projeto: o Dia Sem Sapatos, um convite a pensar a realidade brasileira, exercitando oportunidades reais de colaboração local. É uma ação de cidadania a partir da escola. É um comprometer-se com o mundo em construção, tendo como ponto de partida a própria realidade em que se vive.

Os discursos e gestos físicos e simbólicos que se propõem a levantar muros e barreiras de convivência entre as pessoas e nações estão cada vez mais presentes. O Dia Sem Sapatos 2017 é uma oportunidade para refletirmos sobre eles, para então criarmos pontes e laços fraternos.

 

Algumas orientações para o dia:

  • Apenas no dia 05/04 iremos recolher sapatos sem salto (tênis, chinelos, sandálias, sapatos) em bom estado de conservação, pares amarrados; agasalhos, cobertores e roupas. As doações serão encaminhadas a instituições que promovem direitos humanos, sobretudo para grupos de apoio àqueles em situação de risco em comunidades carentes da região metropolitana.
  • Entregamos nesta quarta-feira (29/03) uma fita vermelha para todos os estudantes. Seu filho deverá escolher uma peça que será doada e escrever uma carta ou bilhete para a pessoa que receberá a doação (prender com um laço de fita). Esse gesto simbolizará nossa intenção de criar uma ponte com este “outro” humano desconhecido de nós.
  • Lembramos que ficar descalço não é obrigatório, apenas um convite!

 

Contamos com a participação e generosidade de todos!

 

ALELUIA HERINGER LISBOA TEIXEIRA
Diretora do Colégio Santo Agostinho Contagem

 

Assista ao vídeo de Sensibilização em nossa página do Facebook. Compatilhe essa ideia!



Salvar

Salvar