Depoimentos - Cavalos e Carroças em Contagem

Compartilhe

03/10/2016

No dia 04 de outubro celebramos o Dia Mundial dos Animais. Como forma de conscientização, estudantes e pais de estudantes do CSA-Contagem deixaram seus depoimentos a respeito da situação dos cavalos e de carroças em Contagem. Esses depoimentos estão em exposição no Colégio, juntamente com cartazes que falam dos Artigos da Declaração Universal dos Direitos dos Animais. 

 

  Alice Vasconcelos - 1ª série

O uso de cavalos em carroças em todo o Brasil é constante de se ver pelas ruas. Focando na cidade de Betim, é comum encontrar várias carroças com cavalos em situações deploráveis e desumanas. Entendo que a ajuda dos animais no trabalho de algumas pessoas seja necessária, porém o tratamento que recebem chega a ser cruel, pois muitas vezes ficam sem água, sedentos, sem comida e são punidos com chicotes. Além disso, trabalham o dia inteiro carregando pesos mais que o suportável e sob sol quente. Concluindo, os cavalos devem ser tratados com dignidade pois, como os seres humanos, sentem sede, fome, cansaço e emoções. Os cavalos não são escravos e merecem ser respeitados!

 

Magno Fernandes de Souza, pai da estudante Mayara Diniz do 8º ano

A carroça não é anatomicamente correta para o cavalo, exigindo muito dele e, como não há leis de regulamentação, tanto o carroceiro quanto o cavalo são expostos ao trânsito, correndo risco de acidentes. Utilizar o cavalo - um animal belo, doce e dócil - é incorreto, imoral e antiético.

 

Ana Clara Duarte e Maria Luiza Campos - 1ª série

O bem-estar animal é o quesito mais importante quando falamos sobre trabalhos envolvendo os animais.  É fundamental estarem saudáveis e sem doenças nem machucados. Mas não é essa cena que encontramos nos cavalos que exercem um duro trabalho de puxar carroças pesadas, muitas vezes carregando até entulhos. Eles são maltratados e obrigados a trabalhar por grandes e exaustivas horas sem direito a descanso. Não podemos permitir que isso continue. 

 

Emanuel Dornas - 1ª série

Cavalos, no bairro Novo Guarujá em Betim, estavam, de acordo com relatos de moradores da região, largados desde o dia 20 de setembro nas ruas do bairro. Os cavalos, além de correrem perigo devido ao tráfego de carros, estão se alimentando de alguns dejetos lançados nos lotes vagos e estão com a saúde prejudicada. 

 

Ana Lúcia Coelho Costa, mãe de Ana Carolina Coelho Costa da 1ª série

Até quando vamos cruzar os braços e continuar assistindo inertes ao desfile de crueldades a que são submetidos animais que puxam carroças? Devemos lutar para que seja proibido e cobrar das autoridades que fiscalizem e punam essa atrocidade.

 

Júlia Macedo - 9° ano

Com o avanço da tecnologia, o uso de automóveis se tornou comum e constante, não sendo muito comum o uso de cavalos e carroças como um meio de transporte. Porém, pessoas que vivem no interior, ou que são mais humildes e vivem nas cidades, ainda utilizam desse meio, que é um abuso para com o animal. 

Seres humanos, animais, plantas, todos os seres vivos do planeta Terra, merecem cuidados iguais, direitos iguais. Por isso o uso desses animais como meio de transporte deve ser proibido. Muitos são maltratados, desnutridos, sofrem de queimaduras por estaremexpostos ao sol, sofrem pelos cuidados que lhes faltam. Assim, não devemos esquecer que, ao domesticar um animal, devemos cuidar dele com amor e carinho, dando-lhe o direito e cuidado quemerece.

Em Contagem, é comum essa situação principalmente perto da Favela do Marimbondo, e a situação em que estes animais estão é muito precária. Devemos agir e ajudar esses bichinhos.

 

Maria Mônica Teixeira Siman Salema - mãe das estudantes Cecília Siman e Sofia Siman

Eu acho que a utilização de tração animal nos tempos atuais é ultrapassada, pois há meios de transporte modernos que não sacrificam os animais e aliviam a carga de trabalho dos responsáveis. O uso das carroças causa "stress" ao animal e às pessoas que veem o trabalho insano que é imposto a ele.

 

Sofia Siman Salema - 8º ano

Utilizar cavalos como meio de transporte é como utilizar pessoas. Somos todos animais. O que nos dá o direito de usar os cavalos para carregarem o que não conseguimos? Você faria isso com uma pessoa também? Não use carroças se você não gostaria de ser o cavalo.

 

Giulia Gonçalves - 1ª série

Ver os maus-tratos com os animais hoje é inaceitável! Temos tantos outros recursos tecnológicos para nos locomover e ainda se usam animais em más condições. Muitas vezes,  os cavalos usados em carroças ficam ao relento nas ruas, sem comida ou água, amarrados pelo pescoço em algum poste ou árvore. Qualquer situação parecida deve ser denunciada. Devemos nos unir e melhorar o nosso planeta, cuidando e preservando nossa fauna tão preciosa.

 

Isabela Lopes - 8° ano

Já com tanta tecnologia, tantos meios de transporte no mundo, e ainda usam carroças e maltratam os animais? Isso é um absurdo! Se as pessoas querem um país para frente, um país melhor, por que elas não mudam? O planeta nunca mudará, mas as pessoas sim. Parar com as carroças já será um grande avanço!

 

Jean Carlos, pai de estudante

Por que ter que trabalhar com carroças? Por que não ir trabalhar com outras atividades. Ouvimos muitos dizerem que é porque não acham emprego, mas será que é porque não procuram por ele? No mundo em que vivemos, com novas indústrias e empresas, não será tão difícil achar um emprego, mesmo sem estudos, como devem ser muitos dos carroceiros, além de o salário ser fixo e o valor maior. Os maus-tratos aos animais irão reduzir muito!

 

Henrique de Assunção - 9º ano

Mesmo com a urbanização e o aumento do uso de veículos motorizados, as carroças continuam sendo muito utilizadas pela população. Isso é um grande desrespeito aos animais, que são forçados a percorrer distâncias muito extensas carregando mais peso do que podem suportar, além de inúmeras vezes não receberem o alimento e a água de que necessitam. Sou contra o uso de carroças e qualquer tipo de exploração animal.

 

Graziela, mãe de estudante

A questão das carroças hoje em dia é algo que vai muito mais além de sobrevivência dos catadores de papel.  A realidade é que a maioria deles não trata o animal com o devido respeito, e é muito claro para todos a exploração em excesso que os animais sofrem. A evolução das cidades faz com que a situação piore, pois não há lugar ideal para o descanso, manutenção e cuidado com os cavalos. O ideal seria que houvesse um projeto que ajudasse as pessoas que ainda dependem desse tipo de situação, incentivando-as economicamente a deixar essa forma de transporte. Seria bom para todos, pois além do sofrimento dos animais, existe também o perigo do trânsito, os animais sempre se assustam e podem causar acidentes.

 

Sandra Amaral, mãe de estudante

Os cavalos, seres maravilhosos, são judiados, explorados, vivem em condições deploráveis para realizar atividades que poderiam ser mecanizadas.

 

Limoncino Sérgio, pai de estudante

Por que judiar de animais tão belos se dispomos de meios para realizar as tarefas sem infringir-lhes estes sacrifícios?

 

Larissa - 8°ano

As carroças são fonte de renda para carroceiros. Mas há realmente necessidade de um cavalo a puxar? Hoje em dia, o que não faltam são ideias, como o cavalo de lata, como é conhecido.




Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar