Cultura da Paz

Compartilhe

No ambiente escolar, a cultura da paz é uma iniciativa que envolve a todos: alunos e familiares, professores e funcionários. Todos somos chamados a promover atitudes de respeito, acolhida, gentileza, diálogo, generosidade, boa vontade e paz.

Mais que um sentimento, ou ausência de conflitos, a PAZ é uma atitude. É um modo de viver: “Se for possível, naquilo que depender de você, viva em paz uns com os outros.” (São Paulo).

Incentivar o convívio acolhedor entre os alunos é uma das propostas da “Cultura da paz”. A escola é um ambiente essencialmente heterogêneo: cores, crenças, afetos, culturas, origens diversas compõem o universo das pessoas. Nessa soma de elementos, surgem faíscas, incompreensões, pequenas malvadezas que desgastam as relações – apelidos, exclusões, entre outras.

Às vezes, a paz no ambiente da escola fica comprometida: é quando surgem atitudes de desrespeito, intolerância, inimizade, em que uns se acham melhores que os outros.

Um exemplo disso é o bullying. Em nossa escola, não queremos que as relações sejam assim.

O bullying acontece quando uma ou mais pessoas perseguem um colega,

- colocando apelidos degradantes,

- zombando de aspectos físicos,

- intimidando por meio de violência verbal, emocional ou física,

- usando as redes sociais para maldizer e caluniar.

Como entender a dinâmica do bullying?

* O agressor geralmente deseja ser visto como alguém forte, dominador, que tem sempre a razão. Não se importa em vencer um conflito por meio da raiva ou à custa do sofrimento do outro.

* O agredido sente dificuldade de reagir, de falar a respeito, de denunciar. Quando vence a barreira do silêncio, procura ajuda. A tendência é que as provocações cessem.

* O espectador: não é agente direto, nem alvo do bullying, mas vê, ouve, sabe o que acontece. Sua ação é fundamental:

- quando silencia, ajuda o bullying a se fortalecer;

- quando se solidariza, denuncia e acelera o término desse tipo de atitudes.

Respeite a todos, faça para os outros somente aquilo que você gostaria que fizessem a você!

A diversidade é uma riqueza: aproveite o que as pessoas têm a oferecer, e ofereça você também o seu melhor. Juntos construímos um ambiente de cooperação e paz!

Presenciou ou está sofrendo? Conte para nós. Escreva e peça ajuda no culturadapaz@santoagostinho.com.br. Não se cale. Não se omita.

Assista o Vídeo da Cultura da Paz


Jean Carlos de Araújo Ferreira

Coordenador do DEPAS