Com intervenções urbanas, artista leva pessoas a reflexões sobre questões ambientais

Compartilhe

 

Eduardo Srur é um artista plástico e ativista brasileiro, nascido em São Paulo, onde vive e trabalha até hoje. Srur tem alguns trabalhos de pintura já registrados, mas foi na área da intervenção urbana que seu nome se fortaleceu no mercado, por meio de iniciativas questionadoras.

Somando mais de 20 intervenções na capital paulista em seu histórico, Srur trabalha seu conceito com alguns fatores de desenvolvimento sustentável com o objetivo de tirar a população paulistana de uma certa "anestesia cotidiana". Sua intenção é reanimar com eficiência o olhar das pessoas sobre a cidade de forma artística e ecológica, para que a arte exerça a função de levar informações de extrema importância de forma sutil e acessível a todos.

Um de seus trabalhos mais marcantes se chama "O Aquário Morto" realizado no maior aquário da América do Sul, o Acqua Mundo, localizado no litoral paulista, na praia da Enseada, no Guarujá.

Sua sala principal contava com um aquário de visão panorâmica, que foi dividido ao meio para que um lado fosse composto por seus peixes convencionais, enquanto outra parte mostrava diversos tipos de lixo coletados nas praias da região, chocando e levando pessoas à reflexão.

Confira algumas fotos desse projeto: