ELA e o balde de gelo

Compartilhe

 

O desafio do balde de gelo é a última moda das redes sociais, mas você realmente sabe o motivo pelo qual esse desafio foi criado? Esse desafio foi criado pela americana ALS Association, para levantar doações e dar publicidade à rara doença conhecida por ELA - Esclerose Lateral Amiotrófica.

A ELA, é uma doença neurodegenerativa progressiva e fatal, caracterizada pela perda crescente de movimentos voluntários dos músculos. Estima-se que 15 mil brasileiros tenham a doença. Até o momento, não se conhece a causa específica desta doença. Existe, sim, a possibilidade de causas multifatoriais em que estariam envolvidos um componente genético, a idade e o meio ambiente. Infelizmente, até o momento, não existem ações que possam prevenir a doença.


A campanha do desafio do balde de gelo foi lançada no dia 29 de julho para reunir fundos para garantir assistência adequada a pacientes com esclerose lateral amiotrófica (ELA). No Brasil, a Associação Pró-Cura da ELA (www.procuradaela.com.br) vem recebendo as doações daqueles que topam participar do desafio. Porém, nem todos os participantes realmente fazem a doação.

O que me preocupa é saber se esses participantes que têm postado vídeos, em que derramam baldes de gelos sobre a cabeça, e desafiado outras pessoas a fazerem o mesmo, realmente estão utilizando a ideia do desafio como algo em prol de uma causa ou apenas como pura diversão entre amigos. Portanto, deixo a seguinte pergunta para uma longa reflexão: “Qual a real importância de um balde de gelo: social ou pura diversão?”

Wellerson Britto – Professor de Biologia e Coordenador de Área de Conhecimento